Combata o stress no regresso ao trabalho

Escrito por  Carla Mateus, com entrevista a Madalena Lobo, psicóloga clínica
Combata o stress no regresso ao trabalho Getty Images

Prepare o seu regresso 

Os dias de férias já lá vão e o regresso ao trabalho está a dar-lhe cabo dos nervos? Tentar minorar o impacto do regresso à rotina é a estratégia aconselhada por Madalena Lobo. Segundo a diretora da Oficina da Psicologia, para tornar o regresso ao trabalho "menos penoso", o melhor que as pessoas devem fazer é preparar o seu regresso à rotina nos últimos três dias de férias e ir, gradualmente, ajustando seus ritmos de sono e alimentação, aproximando-os daqueles que governam a sua vida em tempo de trabalho ou estudo. “Tire o dia antes de começar a trabalhar para deixar tudo preparado: arrumar as malas de viagem, verificar a roupa de trabalho, orientar as questões domésticas e relembrar o que tinha pensado fazer no trabalho quando voltasse”, sugere a psicóloga. 

Depois, entre no ritmo de trabalho pouco a pouco. No regresso, a quantidade de tarefas pendentes poderá parecer-lhe gigantesca. As férias podem ter servido para revigorar o espírito, mas nos primeiros dias a concentração é menor e o corpo não está preparado para lidar com uma grande quantidade de stress e informação. Não abra mão do seu tempo de descanso, a favor de tentativas vãs de recuperação do tempo ausente. “Mantenha a hora de almoço, evite sair muito mais tarde do trabalho, garanta que tem tempo diário (ainda que pouco) para si, para a família e para os amigos”, aconselha Madalena Lobo. 

Para além destes conselhos, existem outras estratégias que nos poderão ajudar a readaptar-se ao ritmo de trabalho e a manter as baterias carregadas por mais tempo. São eles: 

- Não goze as férias todas de uma vez. Se puder, divida os dias a que tem direito em dois ou mais períodos. Desta forma, a espera pelos próximos dias de descanso será menos dolorosa; 

- Durante as férias acordamos, geralmente, mais tarde do que durante o ano. Para se readaptar, é essencial voltar ao horário habitual, pelo menos, dois ou 3 dias antes de regressar ao trabalho. O ideal será dormir entre sete a 8 horas para descansar e repor energias;

- O trabalho foi se acumulando na sua ausência? Tem a caixa de e-mail cheia e secretária repleta de papelada? Madalena Lobo dá-lhe um conselho: “Prioritize, planifique, delegue, saiba ignorar o que não é nem importante nem urgente”. Lembre-se que o seu rendimento crescerá gradualmente ao longo dos dias até que esteja a 100%, como é habitual;